terça-feira, dezembro 27, 2005

A regra e a excepção

É vulgar em Portugal que se configure como excepcional um regime que deveria ser geral. O caso da AutoEuropa será, a todos os níveis, paradigmático desse estado de espírito que grassa pela nossa comunidade política. O regime excepcional acalma as consciências, por não derrogar o regime constitucionalmente inspirado e alimenta as esperanças, por ser o mais razoável. Cavaco Silva vem agora, em entrevista ao Jornal de Notícias, propor a criação de uma secretaria de Estado para acompanhar a vida das empresas estrangeiras a actuar em Portugal, para antecipar algum desejo dessas empresas se irem embora, para assim o Governo tentar ajudá-las a inverter essas motivações. O que Cavaco propõe é o reconhecimento do desajustamento da nossa política fiscal e económica. Não se propõe mudar de política, mas apenas criar uma Secretaria de Estado (se fosse um Instituto Público, já não pegava) para excepcionalmente ir ajustando, caso a caso, essa política. É pouco. É muito pouco.

8 comentários:

  1. «apenas criar uma Secretaria de Estado (...) para excepcionalmente ir ajustando, caso a caso, essa política. É pouco. É muito pouco.»

    Que tal criar um Ministério?

    ResponderEliminar
  2. porque é que será que o dinheiro/investimento estrangeiro é sempre melhor que o dinheiro/investimento nacional? ainda assim somos muito provincianos e tacanhos...

    ResponderEliminar
  3. Algum investimento estrangeiro é melhor do que o investimento nacional porque produz algo que pode ser exportado. Grande parte do investimento nacional dá lucro não por ser competitivo mas porque não paga impostos, vive de benesses do estado ou se limita a vender cá dentro o bons produtos produzidos lá fora. Só se pode mudar isso acabando com essas benesses e com a fuga ao fisco. Acontece que...

    ResponderEliminar
  4. Ainda se espantam de eu não ter feito a minha declaração de voto...

    ResponderEliminar
  5. Criar nada!! Apagar e fazer de novo.

    ResponderEliminar
  6. António, corrige-me se eu estiver enganada, mas esta não é a tua declaração de voto ??

    ResponderEliminar
  7. Muito mal estaria eu se me regesse por essas minhas asneiradas >)

    ResponderEliminar
  8. lol, não deves branquear as tuas asneiradas, meu caro, mas sim assumi-las como tal, uma grande asneira... mas ue outras opções existem... ?

    ResponderEliminar