quinta-feira, julho 26, 2012

Rant do Dia

A arrumar papéis antigos, que se acumularam ao longo de três anos de Angola, dou com uma circular da Ordem dos Engenheiros a acicatar os ânimos contra a criação de uma Ordem dos Engenheiros Técnicos. Ora, independentemente do que eu ache da "engenharia" técnica, parece-me óbvio que a Engenharia portuguesa ficaria mais bem servida se houvesse concorrência de entidades tutelares - e quanto mais fossem, melhor. Teriam, cada uma, de cultivar a sua reputação, e zelar por criar o máximo valor aos associados, ao mercado da engenharia, e por arrasto, à sociedade. O que se observa hoje em dia é o diametralmente oposto de uma desejável atitude de serviço, de exemplo, e de leal concorrência científica, técnica e comercial - atesta-se o corporativismo grotesco de socialistas de esquina, entrincheirados até ao pescoço na lama do jogo político.

Sem comentários:

Enviar um comentário