sexta-feira, dezembro 28, 2012

Oportunidades

Oportunidades por Bruno Alves:
O que seria de esperar, com um Governo que, como aqui tenho escrito, nada tem de reformista, e cujo programa se limita a querer conjugar a defesa dos seus interesses clientelares com as exigências dos nossos credores: o Governo remenda, não reforma. O que poderá chegar para acalmar o nervosismo da ‘troika' e dos "mercados", mas que nada fará para evitar que no futuro não voltemos a passar por uma crise semelhante. Passos disse também que "todos beneficiarão das novas oportunidades" que serão criadas nos próximos anos. "Ninguém será deixado para trás", garantiu.

Num País em que inúmeras pessoas com mais de 45 anos nunca mais arranjarão emprego, e grande parte da juventude de que faço parte dificilmente encontrará um que ofereça um rendimento suficiente para pagar o que o Estado nos exigirá ao longo da nossa vida, as únicas oportunidades que estão a ser criadas são as que muitos estão a aproveitar, de deixar Portugal para trás.

Sem comentários:

Enviar um comentário