terça-feira, dezembro 11, 2012

reféns do socialismo que nos governa

Infiltrações por Tomas Belchior:
.. como também em matéria de abusos de poder há uns mais iguais do que outros, continuarmos reféns do socialismo que nos governa há décadas é a única coisa que poderá resultar da espécie de continuação da política por outros meios em que a promulgação de Orçamentos se transformou. Apesar das repetidas loas tecidas ao povo, o único direito que a Constituição nunca lhe garantiu foi o de ter a liberdade de organizar a sua vida sem estar totalmente condicionado por um Estado que não o respeita.

Nesse aspecto, este Orçamento tem como virtude ter feito o país descobrir que não consegue pagar mais impostos. Se nos convencermos de que também não conseguimos pagar o crescimento (leia-se despesa) que o "grupo de deputados" nos quer impor na secretaria, talvez ainda encontremos maneira de ter a Constituição ao serviço do país e não apenas do Estado. Pelo andar da carruagem, só isso poderá impedir a Terceira República de se imolar.

Sem comentários:

Enviar um comentário