domingo, outubro 13, 2013

pelo direito que os outros não escolham por nós

da liberdade de escolha:
.. Cerca de 75% dos casamentos feitos em Portugal terminam em divórcio .. Não apenas isso. Não só a grande maioria dos portugueses não sabe escolher o cônjuge como, a julgar pela tendência, cada vez sabe menos. Mas se os portugueses, na sua grande maioria, não sabem escolher o cônjuge, que razão temos nós para acreditar que eles sabem escolher um partido político, uma ideologia política, um programa de governo ou o homem que irá governar a sua terra nos próximos quatro anos?

Sem comentários:

Enviar um comentário